5 Razões Para Usar Pedras na Área Externa

Muitas pessoas tem dúvida sobre qual tipo de material a ser colocar no piso da área externa de suas casas, seja na área da churrasqueira, na piscina ou de forma decorativa. É importante saber que todos os tipos de pisos possuem suas vantagens e desvantagens.

Algumas pessoas têm as pedras como primeira opção para esse caso, mas quando olham o preço, podem escolher outro tipo de revestimento. Mas é preciso pensar no custo-benefício. Alguns mostram mais vantagens do que outros, como é o caso das pedras naturais, que se sobressaem quando comparadas ao piso de cerâmica para área externa.

Para acabar de uma vez por todas com essas dúvidas, neste post vamos te apresentar 5 motivos e vantagens de escolher pedras para a sua área externa.




1- Alta Resistência e Durabilidade  

O piso de pedra resiste a maioria dos desgastes apresentados na área externa, enquanto que o piso cerâmico não possui toda essa resistência, ele se desgasta ao decorrer do tempo, fazendo com que seja necessário trocar o piso posteriormente. As pedras possuem uma resistência natural muito grande, o que as tornam perfeitas para áreas externas. Um exemplo de sua aplicação é na garagem, um local onde a entrada e saída de carros é constante e o desgaste no piso é maior, necessitando assim de um piso resistente e forte.
Por serem muito resistente, uma consequência é a grande durabilidade. Os pisos de pedra duram anos até precisarem ser trocados, se tiver uma manutenção correta a pedra permanece com o mesmo brilho original, o que não ocorre com a cerâmica, que com o tempo vai se desgastando e perdendo o esmalte da superfície.

2- Antiderrapante  

Algumas pedras naturais são antiderrapantes, como por exemplo a Pedra Goiás, São Thomé e Mineira. Essa qualidade é essencial para áreas externas como piscinas e calçadas, onde há uma maior chances de ocorrer acidentes ocasionados pela derrapagem.
 
Não só as áreas citadas, mas qualquer parte da casa que precise de uma lavagem regular com água, essas pedras resolvem os problemas de derrapagem com facilidade. Entretanto, essa não é uma qualidade muito comum em cerâmicos por exemplo, pois a maioria precisa de uma resina para se tornar antiderrapante, o que acaba elevando seu custo.

3- Conforto Térmico

Algumas pedras contém o ótimo benefício de controlar o fluxo de calor e não esquentam com facilidade, mesmo com exposição forte ao sol. Essa é uma característica de muita importância para áreas onde fica a piscina, em que as pessoas andam descalças e podem se queimar se o piso estiver muito quente.
 
A pedra também ajuda a manter um clima fresco em ambientes quentes, por não absorver muito calor. Assim, as pedras naturais, mais uma vez, ficam a um passo a mais em relação a outros pisos que não possuem tal vantagem, como os pisos cerâmicos, que absorvem muito calor, levando a necessidade de se colocar resina na sua superfície.

4- Beleza Natural

As pedras decorativas tem uma beleza natural, que harmoniza facilmente com o ambiente, deixando esse ambiente agradável sem a necessidade de gastos excessivos. Muitas pedras possuem uma rusticidade muito elegante, levando o espaço externo a outro nível. Além da rusticidade, as pedras naturais possuem uma grande variedades e cores, compondo diversas combinações para seus jardins, calçadas, áreas de lazer, etc.

5- Manutenção

As pedras naturais não precisam de uma manutenção muito frequente, apenas água com sabão quando ela sujar, porém é recomendado de tempos em tempos lavar com o limpa pedras, para devolver o brilho original da pedra decorativa. É importante destacar que para que a pedra não fique manchada de óleo ou outros produtos que mancham, é preciso limpa-la rapidamente, para que a sujeira não seja absorvida.